Analista-Tributário para por salários

 

CORREIO DO POVO – RS
ECONOMIA
15/06
Os Analistas-Tributários das 11 delegacias da RECEITA FEDERALno Estado paralisaram ontem as atividades e participaram do “1 Dia Nacional de Luta pela Reestruturação Salarial”. Em Porto Alegre, um grupo fez manifestação em frente à sede da instituição e, assim como nas outras regiões, realizou assembleia para debater os rumos da greve.

O presidente do Conselho Estadual de Delegacias Sindicais do Estado do Rio Grande do Sul do Sindicato Nacional dos Analistas Tributários da RECEITA FEDERAL do Brasil (SINDIRECEITA), Gerônimo Luiz Sartori, disse que o ato foi uma advertência ao governo. “Nosso salário está defasado em relação a outros analistas da estrutura do governo. Propomos um aumento escalonado em três anos”, afirmou.

De acordo com a categoria, mesmo com a realização de diversas reuniões, envolvendo 31 entidades, o governo não apresentou uma proposta. No entanto, deu prazo até 31 de julho para finalizar as negociações. Nas unidades de Caxias do Sul, Chuí, Novo Hamburgo, Passo Fundo, Pelotas, Porto Alegre, Rio Grande, Santa Maria, Santana do Livramento, Santo Ângelo e Uruguaiana, parte do atendimento chegou a ser prejudicado. Conforme a categoria, 90% dos 7,5 mil analistas tributários do país não trabalharam ontem.